17/06 18:05

CEE promove encontro virtual com entidades para discutir a Educação Quilombola no Maranhão

A Educação Quilombola esteve em debate, nesta quarta-feira (17), no encontro virtual, promovido pela Comissão da Educação Quilombola do Conselho Estadual de Educação do Maranhão (CEE-MA). O encontro remoto foi realizado com a participação de mais de 60 representantes de Comunidades Quilombolas Tradicionais, entidades de Defesa dos Direitos dos Povos Quilombolas, Movimentos Tradicionais do Povo Negro, docentes e discentes de escolas públicas das comunidades quilombolas, entre outras entidades de vários cantos do Maranhão.

Foi a primeira de duas escutas planejadas pela Comissão de Educação Quilombola do CEE-MA, para esta semana. Os encontros têm como objetivos promover um amplo debate entre essas comunidades e os órgãos de educação, no sentido de avaliar as ações implementadas e ouvir as demandas, para que sejam encaminhadas as devidas soluções na garantia dos direitos educacionais da população das comunidades tradicionais do Maranhão.

Durante o encontro foram feitos relatos de experiências educacionais vividas pelas comunidades nos rincões do Maranhão. As lideranças quilombolas reforçaram a necessidade da manutenção de políticas públicas educacionais permanentes de fortalecimento da identidade do povo negro. Também foi falado sobre educação na pós-pandemia.

O vice-presidente do Conselho Estadual de Educação do Maranhão (CEE-MA), professor Roberto Mauro Gurgel, destacou a importância do encontro virtual e afirmou que a escuta com as lideranças das comunidades quilombolas contribui para que o CEE encontre alternativas para ajudar a resolver as solicitações dessas comunidades.

“Essa sessão de escuta, realizada nesta tarde, com lideranças comunitárias quilombolas, teve um caráter extremamente importante, porque coletou informações sobre as necessidades dessas comunidades. As informações aqui adquiridas irão subsidiar o trabalho do CEE, por intermédio da Comissão de Elaboração das Diretrizes Curriculares Estaduais da Educação Escolar Quilombola, na busca de soluções para as demandas desse segmento”, destacou.

A Conselheira e Presidente da Comissão da Educação Quilombola do CEE-MA, Laurinda Pinto, ressaltou a importância do encontro. “A escuta com a sociedade civil organizada da população negra do Maranhão dará condições ao Conselho para elaborar as diretrizes da educação quilombola que responda a garantia de direitos dessa população. Chegar a uma legislação que se aproxime ou que garanta aquilo que a comunidade quilombola deseja e requer para o processo educativo da sua comunidade é o mais importante”, frisou.

O Secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, destacou a importância de ouvir a voz e os anseios das comunidades tradicionais, como parte do processo de construção de uma Educação Cidadã e Democrática.

“Ouvir as Comunidades Tradicionais Quilombolas tem um valor gigantesco dentro desse processo de construção permanente de uma educação de qualidade e com especificidades, que tem sido uma grande preocupação do Governador Flávio Dino. Debatemos sobre políticas públicas e recebemos solicitações importantes, que encaminharemos para soluções. Esse é o caminho! o CEE está de parabéns pela promoção da dessa escuta, que tem total apoio da Seduc”, pontuou o Secretário Felipe Camarão.

Fonte: Seduc
Data:17/6/2020
Fotos: Divulgação
Texto: Antônio Figueredo

Contatos

contatos

Rua do Sol, nr. 412, Centro
CEP: 65020-590
São Luís - Maranhão

Telefone de Contato:
((98) 3221-7308-Geral
(98) 3221-2678-Presidência
(98) 3221- 0604-Secretaria Geral
(98) 3221-2271-Assessoria

Localização

localização

Click to open larger map